Quer aprender uma língua com um nativo refugiado?


O Brasil acolhe e já acolheu muito imigrantes, e é tão bonito ver toda esta diversidade fazendo a diferença. Em diferentes regiões de nosso país podemos identificar a influência e contribuição dos imigrantes, e o quanto muitos adotaram realmente o Brasil como um lar.

Dentre os imigrantes, encontram-se os refugiados, aquelas pessoas que saíram do seu país de origem por causa das guerras e situações precárias. No Brasil até onde sei é possível eles obterem um visto humanitário para viverem aqui.



Lendo a revista Todos, encontrei a história de Genevieve Cherubin, de 33 anos, refugiada do Haiti, que mora em São Paulo desde de 2015. E por meio dessa história, soube do projeto Abraço Cultural, pois por meio dele, Genevieve consegue dar aulas de francês, obtendo uma renda que possibilita ela viver aqui e ainda ajudar sua família no Haiti. Legal né?

Para quem não conhece, o projeto Abraço Cultural oferece cursos de línguas ministrados por refugiados em São Paulo e no Rio de Janeiro. Então, você pode aprender com nativos e ainda ajudá-los a reconstruir suas vidas.


Outra maneira de ajudar, é pelo site Estou Refugiado! que trás uma lista de instituições de apoio com as quais você pode colaborar:


E dentro desse tema diversidade, é bom ver pessoas fazendo a diferença... E você pode fazer o mesmo de diferentes formas, a mais importante, mantendo o coração aberto, e também apoiando projetos pelo Brasil e Mundo afora.

Fica a dica... Até mais!

Ju




Comentários